O vôo do chef

Blog gastronômico

Risoto Baião de Dois ou Risoto Rubacão

with 2 comments

Quase uma semana de Dieta! Que coisa horrorosa, só não consegui ainda começar a andar, acho que estou esperando começar a chover para ter desculpas para não caminhar no condomínio onde moro. Como estou na primeira quinzena da dieta, só deveria comer carnes, ovos, queijos, leites e muito mato, nada de pizza, pão. Massas e risotos! Mas como não estou a fim de nada radical e como estava com vontade de fazer este Risoto há muito tempo, e como o diabinho do peso juntou a fome com a vontade de comer, não teve jeito….rs.

Agora, um pouquinho de história. Baião-de-Dois é um prato típico da região Nordeste do Brasil, oriundo do Estado do Ceará. Também é bastante apreciado nos estados de Rondônia e Acre. Consiste num preparado de arroz e feijão, de preferência o feijão verde ou feijão novo. É frequente adicionar-se carne-seca (charque). O termo baião, que deu origem ao nome do prato, designa uma dança típica do nordeste, por sua vez derivada de uma forma de lundu, chamada “baiano“. A origem do termo ganhou popularidade com a música Baião de Dois, parceria do compositor cearense Humberto Teixeira com o “Rei do Baião”, o pernambucano Luís Gonzaga, na metade do século XX. A origem cearense do prato é atestada também pelo folclorista Câmara Cascudo, citando como referência a obra de 1940, Liceu Cearense, de Gustavo Barroso. Na paraíba, este prato é conhecido como Rubacão.

O baião, por ser uma mistura de dois elementos da culinária brasileira apreciados e de fácil acesso, o arroz e o feijão, é muito comum em áreas rurais do Nordeste. É possível perceber que ele é feito principalmente à noite para que seja aproveitado o restante do feijão cozido durante o dia.

Agora transformar este típico prato nordestino em Risoto, eu não sei quem iniciou, mas que fica bom, fica sim senhor!

Ingredientes

1 ½ Xícara de chá Feijão fradinho
50 Ml Azeite extra virgem
1 Unidade Cebola picada
1 Dente Alho picado
200 Grama Lingüiça calabresa defumada picada
400 Grama Arroz arbóreo
250 Ml Cachaça de qualidade
1 Litro Caldo de feijão
2 Xícara de chá Tomates em cubos pequenos
À gosto Coentro picado
1 Xícara de chá Queijo coalho e cubos médios
200 Grama Carne de sol picada
200 Grama Bacon picado
4 Colher de sopa Queijo parmesão ralado
2 Colher sopa Manteiga sem sal
1 Pitada Pimenta dedo-de-moça picadinha, sem sementes e sem a nervurinha interna
À gosto Sal e pimenta do reino

Modo de preparo

Cozinhe o feijão fradinho em água suficiente para fazer render 1 litro de caldo para o preparo do risoto. Coloque o feijão na panela de pressão com cerca de 1 ½ litro de água e sal. Deixe 15 minutos quando começar a pressão. Depois, separe o feijão do caldo, que geralmente fica bem ralo.

Em uma frigideira, esquente-a em fogo alto, adicione um pouco de azeite, adicione o bacon e frete-o até ficar sequinho. Reserve. Na mesma frigideira coloque a calabresa para fritar. Reserve. Na mesma frigideira, se precisar adicione um pouco mais de azeite, coloque a carne seca picadinha para fritar e reserve.

Em uma frigideira ou panela de fundo grosso e largo, esquente o azeite numa panela e doure a cebola, o alho. Adicione o arroz e mexa. Adicione a cachaça. Deixe evapora o álcool. Um dos segredos de um risoto bem cremoso é mexer sempre! Quando começar a secar adicione um pouco do caldo de feijão, adicione as carnes. Vá mexendo e incorporando mais caldo na medida da necessidade. Quando o arroz começar ficar AL dente, adicione o feijão e mexa. Mexa sem parar até terminar de adicionar quase todo o caldo. Teste o ponto do arroz, se já estiver quase no ponto, adicione os tomates, o queijo coalho, um pouco do coentro e mexa tudo. O arroz chegou ao ponto desejado, adicione o queijo parmesão, a pimenta dedo-de-moça, mexa bem. Desligue o fogo, adicione a manteiga. Mexa até ficar bem cremoso e sirva.

Para enfeitar, utilizei chips de batata doce e salsinha. A fotógrafa pisou na bola e não mostrou o detalhe…rs.

Bom Voyage!

Written by ovoodochef

setembro 25, 2011 às 3:17 pm

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. hummmm…eu amei o prato…como não gosto de coentro…o meu seria sem(rsssssss)
    parabéns CHEF!!

    Patty

    setembro 25, 2011 at 6:07 pm

  2. Vou tentar, pois deve ficar bom demais…

    Marcia Avila

    setembro 25, 2011 at 8:24 pm


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: