O vôo do chef

Blog gastronômico

FISH and CHIPS

with one comment

Depois de um longo e tenebroso inverno…..Opa! Estamos em pleno verão! Depois de alguns dias de preguiça e uma melhora no vício de assistir filmes e mais filmes! Consegui me libertar de ambos e voltei a escrever para vocês. Para marcar esta volta, nada melhor que um pouco de história e uma receita deliciosa. É verdade que estou quebrando este post em dois, hoje vai um pouco de história e o FISH, no próximo post o CHIPS e o  molho remoulade. Juro que não é preguiça, mas já são 2:00 da manhã e tenho que acordar às 7:00 para ir trabalhar!

“FISH and CHIPS”, podemos dizer que não é apenas uma receita tradicional inglesa, mas sim uma verdadeira instituição, mais ou menos como a nossa feijoada ou caipirinha. Tem duas cidades da Inglaterra que reclamam a sua invenção, Lancashire e Londres. A Batata acredita-se que foi introduzida na Inglaterra  no século 17, vinda do novo mundo, pelo Sir Walter Raleigh, embora acreditam que foi inventada pelos franceses. Batatas ou Chips era uma alimento extremamente barato e largamente consumido no norte industrial, enquanto o FISH ou peixe frito foi introduzido em Londres. Em 1839, Charles Dickens se refere a um “armazém de peixe frito” no seu romance “Oliver Twist”.  A população então decidiu que colocar no mesmo prato FISH and CHIPS era uma combinação muito saborosa. Assim nasceu o prato nacional da Inglaterra! Na guerra das duas cidades pela autoridade da invenção, dizem que a de Lancashire abriu por volta de 1863, e a de Londres em 1860. As primeiras lojas eram totalmente familiares, onde eram oferecidos o prato de fronte as suas casas. Só no final do século 19 e início do século 20 que o negócio começou a se modificar para atender as necessidades crescentes da Revolução Industrial. Inclusive pode-se dizer que a Revolução Industrial foi alimentada por “FISH and CHIPS”. Até há pouco tempo ainda serviam-se este prato em folhas de jornal que apesar de bem peculiar, era extremamente anti-higiênico. Atualmente os Britânicos consomem mais de 300 milhões de FISH and CHIPS por ano. Mais informações a respeito você poderá obter em http://www.historic-uk.com/CultureUK/FishandChips.htm.

FISH and CHIPS

Ingredientes (FISH)

1 Litro Óleo de canola
6 Xícaras Farinha de trigo
2 Colher de chá sal
2 Colher de chá Pimenta do reino moída
2 Colher de chá Alho granulado ou em flocos
2 Colher de chá Cebola granulada ou em flocos
500 Ml Cerveja tipo amber ale (*)
1 ½ Kilo Filé de peixe(**)

(*) A receita original pede cervejas do tipo amber ale, as nossas marcas campeãs são do estilo Pilsen, do tipo Large. Existem vários fabricantes que fazem parte do Movimento “The Craft Beer Renaissance”, buscando a produção de cervejas de qualidade, artesanal. Dentre elas podemos citar a Eisenbahn, Baden Baden, Colorado, Mistura Clássica, Dado Bier, Backer, Falke, entre outras várias e produzindo os mais diversos estilos de cerveja, seja Ale ou Lager. Na ausência eu faço com a cerveja que tiver.

(**) A receita original pede files de bacalhau fresco. Eu faço com vários tipos de peixes, tais como: linguado, merluza ou qualquer outro filé que seja consistente e esteja bem limpinho.

Modo de Preparo

Em uma panela ou frigideira funda, ou como no meu caso, em uma fritadeira elétrica, pré-aqueço o óleo a cerca de 174º C. Misture completamente em um bowl ou pote, 4 xícaras de farinha de trigo, 1 colher de chá de sal, 1 colher de chá de pimenta, 1 colher de chá de alho granulado e 1 colher de chá de cebola granulada. Adicione a cerveja à mistura e bata bem para desmanchar possíveis gomos, deixando ao mesmo ponto de panqueca, ou seja, fino o suficiente para cobrir o filé de peixe. Corte os files com cerca de 100 gramas cada e seque-os em papel toalha. tempere-os com sal e pimenta do reino moída na hora. Misture em uma travessa, a farinha e os ingredientes restantes. Tempere os files de peixe com sal e pimenta do reino moída na hora. Passe os files na farinha seca, retire o excesso, mergulhe os files na mistura molhada e coloque gentilmente no óleo quente.  Vire o peixe quando a parte de baixo estiver dourada e deixe até dourar o resto, cerca de 3 a 4 minutos. Retire do óleo e seque bem.

Sirva o peixe com batatas e molho Remoulade.

A receita das batatas e do molho remoudale segue no próximo post…..

Abraços!

Written by ovoodochef

fevereiro 23, 2011 às 2:16 am

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Adorei, Hummmmm amo essa comidinha

    Izadora

    fevereiro 23, 2011 at 5:13 pm


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: